terça-feira, 11 de julho de 2017

Surf & Turf : mais um chefe no Mercado da Ribeira

O chefe Kiko Martins (O Talho, A Cevicheria e O Asiático) abriu, já há alguns meses, o Surf & Turf no Mercado da Ribeira. Este novo espaço situa-se no corredor lateral, com bancos ao balcão, fora da grande confusão da zona central, apresentando alguns dos pratos emblemáticos dos seus restaurantes. A ementa é curta (4 pratos frios, 4 quentes e 2 sobremesas), mas o pessoal é mais do que suficiente (contei 8 empregados). Serviço eficiente e simpático.
Em recente visita, deliciei-me com o risotto do mar de quinoa e croquetes de cachaço, uma adaptação de um  prato que já conhecia da Cevicheria e referido em "Cevichando em Lisboa", crónica publicada em 24/5/2015.
Quanto a vinhos inventariei 1 espumante (1 a copo), 1 champanhe, 2 brancos (1), 2 tintos (1) e 1 rosé. Lista curta e sem qualquer ano de colheita, o que é de lamentar.
Optei pelo branco A Cevicheria 2015, um vinho de Lisboa resultante de uma parceria do Kiko com o produtor Bento dos Santos - aromático, muito frutado e fresco, presença de citrinos e notas de melão, algum volume e final de boca. Uma boa surpresa. Nota 16,5+.
A garrafa veio à mesa, o vinho dado a provar num bom copo e servida uma quantidade generosa.
Os tintos estavam uns à temperatura ambiente e outros com a temperatura controlada. Confesso que não percebi o critério.
Como sobremesa, marchou uma saborosa queijada na banca "Recordações de Sintra", uma novidade no Mercado.
No WC, a cena repete-se: urinóis entupidos, torneira em falta e secadores de mãos avariados.
Ó senhores da Time Out, tenham atenção a estas situações. Não é só facturar!

1 comentário:

  1. É impressão minha ou desde que o "Mercado da Ribeira" abriu a rotatividade de espaço é assim algo para o IMPRESSIONANTE? Cada vez que uma pessoa lá vai há sempre espaços que fecharam e outros que abriram. Aquilo não era o novo maná da gastronomia olissiponense?

    ResponderEliminar